Sejam bem vindos ao Blog da Creche!

Começamos o ano de 2011 com mais esta novidade. Esperamos estreitar cada vez mais a comunicação entre escola-família-comunidade.


Neste Blog vocês encontrarão calendário mensal, trabalhos desenvolvidos, fotos e avisos.

domingo, 13 de fevereiro de 2011

Orientação sobre adaptação!

A escolha certa, segura e uma adaptação sem pressa, garantem o sucesso da entrada da criança na creche.
Quando a criança deixa o ambiente de casa e passa a conviver em um outro espaço, conviver com outras crianças e vivenciar experiências diferentes, necessita do apoio de profissionais altamente qualificados que a ajudem a enfrentar essa passagem: DO NINHO PARA O MUNDO.
As crianças se sentirão mais seguras no novo ambiente se perceberem que os pais confiam nas pessoas com que elas vão passar o dia. Esta é uma questão fundamental para o período de adaptação.
A comunicação entre pais e os profissionais é que constrói uma relação harmoniosa entre pais e creche. Quem sai ganhando é a criança.
A integração da criança acontece naturalmente quando ela se sente a vontade e já domina o novo ambiente. O tempo varia de poucos dias a várias semanas, pois cada um é de uma maneira, e essa característica, acima de tudo tem que ser respeitada. Qualquer que seja o caso, a receita é uma só: PACIÊNCIA, AMOR, CARINHO e COMPREENSÃO.
FATORES QUE AUXILIAM A ADAPTAÇÃO:
1- Uma postura familiar segura, decidida.
2- Consenso familiar quanto a vinda da criança para a creche.
3- Respeito as regras da adaptação.
4- Nunca sair escondido do filho(a), explicando que irá buscá-lo.Procure não se atrasar!
5- Evitar longas separações e intermináveis explicações sobre o momento.
6- Incentivar seu filho(a) reforçando o lado positivo da situação.
7- Nos momentos em que estiver com a criança em casa, reja naturalmente e continue a rotina normalmente.
8- Se surgirem dúvidas, busque orientação na própria creche, na coordenação, sem a criança por perto.
9- Enquanto a criança estiver dentro da creche, toda solicitação que ela fizer deverá ser dirigida ao professor. O responsável, caso esteja dentro da sala, não deverá intervir.
10- A criança não deverá vir doente para a creche.

Nenhum comentário:

Postar um comentário